Literatura sustentável: Um livro que te ensina construir uma casa do chão ao teto

A obra “O Manual do Arquiteto Descalço”  explora dicas para edificar ou melhorar aspectos, como a eficiência térmica e energética do seu lar

Algo que pode se enquadrar como um de nossos livros de cabeceira, este trata, dentro de uma miríade de possibilidades sustentáveis, a bioconstrução em uma miscelânea de técnicas tradicionais e modernas compiladas e transformadas em um texto acessivel para o público em geral e repleto de ilustrações e infograficos criados pelas mãos do autor e arquiteto Johan van Lengen, um holândes radicado no Brasil, país onde ele leva a cabo o projeto Tibá em conjunto com estudiosos e entusiastas da bio-construção e da permacultura.Fotor040819518Contando com a experiência de anos de arquitetura de pés nus, ele trás ao leitor, praticamente todos os aspectos a serem levados em consideração na hora de construir, abrindo uma nova perspectiva sobre a arquitetura e o engenho de erigir com as próprias mãos, desde um forno de barro no quintal até uma casa totalmente personalizada e sob as medidas criteriosas que somente um morador poderia considerar.

Segundo o próprio autor Johan van Lengen:

“Esse manual foi feito para desenvolver a confiança daqueles que tem o sonho de construir e desejam compreender a relação entre habitação e seu entorno, seus limites e suas possibilidades. Espero que estas pessoas consultem este livro e encontrem nele algumas soluções que facilitem sua realização.

 A informação é proporcionada por meio de vários desenhos, quase sempre em perspectiva e da maneira mais clara possível. Parti do princípio que uma imagem pode ser mais explicativa do que vários textos.

O livro também servirá aos assessores técnicos municipais, quando coordenarem programas de melhoramento de habitações, envolvendo e instruindo os construtores das comunidades.

 Não se trata neste manual de induzir as pessoas a construírem suas próprias casas na maneira tradicional. O mundo mudou muito; há escassez de materiais tradicionais de construção e de mão-de-obra com este conhecimento. Diante disto, tal tipo de informação seria uma frustração para o leitor. Trata-se, antes, de responder aos desafios atuais da questão habitacional e apresentar alternativas, aplicando no processo construtivo uma combinação de técnicas tradicionais e modernas.

15Não se deve pensar que utilizando unicamente uma das técnicas propostas, o construtor vá obter um milagre em sua construção. A combinação de várias técnicas é o que permitirá a criação de um ambiente mais harmonioso para se viver.

Na antiguidade, os primeiros arquitetos amassavam a terra com os pés, para preparar os tijolos. Arquitetos descalços pisando a terra, uma imagem distante de nossa realidade que se afasta cada vez mais da natureza.

Quem mais me inspirou para reunir e compartilhar estes conhecimentos de construção, foi a gente do campo e das zonas “precárias” das grandes cidades. Sua confiança na possibilidade de melhorar suas condições de vida, apesar de todas as dificuldades que enfrentam, foi a base desta obra.”

Tanto os materiais como as técnicas que são tocadas pelo arquiteto neste livro, permitirão a qualquer interessado seguir no caminho da sustentabilidade ao galgar os próprios passos no chão, seja de sua casa ou qualquer projeto prático que queira levar a cabo por meios sustentáveis.

Esperamos que essa dica ajude tanto quanto ajudou e ajuda nosso dia-a-dia.

A vida é um acontecimento extraordinário para ser passado sem um propósito, aqui queremos inspirar a mudança, a conexão com os ciclos da natureza, o resgate dos saberes ancestrais e manuais. Vamos juntos por esse caminho descobrindo que tudo que precisamos já está em nós mesmos.

www.jardimdomundo.com

6 opiniões sobre “Literatura sustentável: Um livro que te ensina construir uma casa do chão ao teto

  • Reply Guilherme Santos 8 janeiro, 2014 at 8:39

    Muito inspirador!
    Domingo eu parto para o Rio para começar as aulas de bioconstrução com a lenda Johan van Lengen. Aguardo ansiosamente essa experiência!

    “Arquitetos descalços pisando a terra, uma imagem distante de nossa realidade que se afasta cada vez mais da natureza”

    Essa é a mais pura verdade e é o que mais me desanima na minha profissão. A população em geral, ainda se preocupa mais com a ostentação em detrimento a qualidade de vida!

    Obrigado Jardim, por difundir essa idéia!!

  • Reply maria izabel dorey serva 8 junho, 2015 at 18:09

    por favor quero ser notificada

    • Reply Jardim do Mundo 8 junho, 2015 at 21:14

      Querida Maria,
      Obrigado pelo contato. Você pode subscrever o seu email em nossa newsletter, na barra lateral direita do site, e assim receber mais informações e noticias.

  • Reply Jason Dias Silva 26 fevereiro, 2016 at 11:29

    Bom dia Amigos.
    Pretendo adquirir a obra Manual do Arquiteto descalço.

  • Reply Maria Rita 19 março, 2016 at 15:47

    Amei a idéia e os projetos. Quero adquirir o livro ou maiores informações. Pretendo construir a minha casa de campo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *