• Embrulho para presente tingindo naturalmente

    Hoje vamos ensinar um jeito divertido e ecológico de embrulhar presentes. Vamos dar vida nova a tecidos antigos tingindo-os naturalmente com elementos da natureza.

    Esse ano estamos explorando o fazer manual de diversas formas sempre presando pela matéria prima natural. Um do processos que mais nos envolveu foi o tingimento natural com restos de vegetais, frutas, sementes, folhas, cascas e caroços. As peças tingidas serão presentes e os tecidos reutilizados serão embrulhos.

    LER MAIS

  • 3 molhos caseiros: ketchup, pimenta e mostarda

    Os molhos fazem parte da alimentação. Eles deixam pratos mais saborosos e dão aquele toque especial nos aperitivos. Então, está na hora de aprender como se faz seus próprios molhos caseiros. Afinal, eles têm mais sabor que os industrializados e você saberá exatamente quais ingredientes contêm em cada um dos molhos.

    LER MAIS

  • Aprenda a fazer biscoitos assados pela luz do sol

    Quando se pensa em biscoitos recheados, a primeira imagem que aparece em nossa mente é a de biscoitos recheados industrializados, carregados de açúcar, sal, corantes e conservantes. Esquecemos que uma versão natural, saudável, saborosa, sem glúten, açúcar e aditivos químicos seja possível.

    Este biscoito, ao contrário da consistência do industrializado – que é feito à base de farinha e assado em forno a altas temperaturas -, dissolve na boca e agrada o paladar dos degustadores mais exigentes.

    LER MAIS

  • Como o aprendizado de idiomas beneficia seu cérebro

    Aprender um novo idioma pode parecer uma mágica. De repente, um mundo inteiro se abre, sua perspectiva se amplia e você descobre um lado completamente novo da vida. Obviamente, aprender um idioma não acontece através de feitiçaria, mas pelo estudo. Mas os efeitos que esse estudo tem sobre o nosso cérebro são nada menos que mágicos. Aqui estão alguns destaques sobre como o cérebro muda durante o aprendizado de idiomas:

    LER MAIS
  • Aprenda a fazer 3 tipos de queijo vegano

    O queijo é um ingrediente muito versátil que pode ser utilizado em entradas, pratos principais, sobremesas e petiscos. Porém, ele é feito com leite animal, o que o torna pouco sustentável e um ingrediente que não está na lista dos veganos. Por isso, hoje iremos aprender a fazer 3 tipos de queijo vegano.

    O queijo vegano é feito com ingredientes que não são de origem animal, como o leite. Assim, é utilizado nozes, raízes e outros ingredientes que proporcionam uma textura parecida com a do queijo tradicional. Eles podem ser utilizados em muitos pratos, como pizzas, hambúrgueres e no pão, por exemplo.

    LER MAIS

  • Como estimular sua memória com atividades simples do dia a dia

    Com o passar dos anos e o avanço da idade, é normal que pouco a pouco nossa memória comece a falhar. As razões vão desde a diminuição no número de neurônios por conta do envelhecimento e outras mais, como o aumento do volume de informações que registramos e carregamos em nossos cérebros ao longo das décadas. Vale notar que isso também pode atingir pessoas mais jovens. Afinal de contas, quem nunca se esqueceu de onde havia estacionado o carro no shopping ou guardado as chaves de casa?

    LER MAIS

  • Aprenda a usar 5 cristais em benefício da sua saúde

    Os cristais são muito mais do que apenas pedras decorativas. Eles contêm energia e podem ser utilizados para curar, atrair prosperidade, liberar o estresse ou guiar as pessoas em seu caminho espiritual. Aliás, a cristaloterapia é a terapia alternativa que faz uso dos cristais.

    Xamãs e outros povos que também cultuam a natureza, como os celtas, utilizam os cristais há muito tempo. Por conta dos cristais virem da terra, eles auxiliam na conexão com o planeta e proporcionam equilíbrio emocional e espiritual.

    LER MAIS

  • Os benefícios da escrita expressiva para a saúde

    Quando você coloca a caneta no papel para escrever ou quando você digita em um computador sobre experiências estressantes e sobre problemas emocionais pesados em sua vida, pode ser bom para sua saúde e bem-estar emocional. De fato, a escrita expressiva, que basicamente envolve despejar seu coração e mente em palavras, sem se preocupar com ortografia, pontuação, gramática e outras convenções de escrita, é um bom remédio.

    Nos últimos anos, pesquisas descobriram que escrever o que estamos sentindo melhora os sintomas da síndrome do intestino irritável, asma e artrite reumatoide; ajuda na recuperação de abuso sexual na infância e depressão pós-parto; e melhora o estado de espírito das pessoas com Parkinson, câncer e muitas outras condições de saúde. Pode até promover uma cicatrização mais rápida das feridas.

    LER MAIS

  • Aprenda a fazer seu demaquilante caseiro

    A maquiagem faz parte da rotina de beleza de muitas mulheres. Ela é uma forma de ressaltar a beleza que já há em cada pessoa. Porém, além de saber aplicar os produtos de maquiagem é importante saber removê-los.

    Sempre que chegar em casa e, principalmente, antes de dormir é necessário remover toda a maquiagem. Caso contrário, ela fará com que sua pele envelheça mais rapidamente. 

    LER MAIS