Como cultivar cogumelos em casa

como cultivar cogumelo

Os cogumelos comestíveis estão se popularizando cada vez mais no Brasil. São alimentos ricos em vitamina D, potássio e zinco, e além de muito nutritivos, são muito saborosos, podendo ser adicionados em várias receitas e principalmente substituindo a carne.

Os fungos nascem de forma diferente. Você já deve ter visto um cogumelo nascendo em um tronco caído, por exemplo, isso acontece porque os fungos, geralmente, se alimentam de matéria vegetal, mais especificamente em decomposição, ou seja, crescem em um substrato.

A capacidade que os fungos tem de reciclar restos orgânicos é impressionante. Muitas espécies conseguem crescer em substratos diferentes dos naturais, como por exemplo os cogumelos do gênero Pleurotus, conhecidos no Brasil como shimeji, cogumelo ostra ou ainda hiratake.

|Leia mais: Amôndegas de aveia com cogumelo|

Apesar de ocorrer naturalmente em troncos de árvores em florestas, os Pleurotus conseguem crescer em uma enorme quantidade de substrato, como palhas de cereais, grama seca, folhagens, serragem, resíduos da produção de milho, cascas de sementes, resíduos de café, bagaço de cana, papel, papelão e subprodutos da industria papeleira, dentre muitos outros.

cultivar cogumelos

É preciso formular um substrato que tenha a quantidade correta de nutrientes e umidade, pH adequado e textura correta. O sucesso do cultivo de cogumelos se encontra na formulação correta do substrato e tratamento do mesmo através da pasteurização ou esterilização.

Pode parecer difícil, mas existem formas relativamente descomplicadas de cultivar cogumelos em nossas casas. Porém existem alguns cuidados que devem ser tomados, tendo em vista que é um processo delicado, então se atente aos passos e dicas que iremos pontuar aqui.

|Siga o Jardim do Mundo no Instagram para acompanhar nossas aventuras|

Itens necessários

  • Matéria orgânica (como serragem, fibra de coco, folha de bananeira seca, ervas-daninha, palha);
  • Um galão ou balde de 20 litros com tampa e buracos de 1 centímetro a cada 10, 15 ou 20 centímetros ao redor dele;
  • Uma panela grande e fogo;
  • Um termômetro, se possível;
  • Uma escumadeira;
  • Um escorredor/passador;
  • Álcool isopropílico ou lencinhos desinfetantes;
  • Substrato (sementes) do seu cogumelo de preferência;
  • Dois sacos de lixo grandes e limpos ou dois pedaços de lona.

O nosso processo de cultivo inicia-se a partir da semente já inoculada, pressupondo que os iniciantes já tenham comprado a semente de um produtor idôneo. No Brasil encontramos essa e essa empresa.

A conservação das sementes na geladeira deverá ser de no máximo 3 meses, não devendo ser congelada.

Passo-a-passo para cultivar cogumelos em casa

  • Hora de coletar a matéria orgânica para fazer o substrato. Algumas ideias são folhas de bananeira (bem secas e retiradas da própria bananeira, se pegar do chão, o risco de contaminação do substrato é maior), serragem e palha. O processo de pasteurização que a matéria vegetal vai passar vai reduzir bastante seu volume, então pegue mais matéria do que você acha que vai precisar, ok?
  • Pique a matéria orgânica até ela ficar em flocos, assim vai facilitar a penetração dos micélios no substrato, pense que a textura deve parecer com a de um ninho de pássaro;
  • Encha a panela pela metade e coloque-a a 70 graus, adicione a matéria orgânica picada e misturada na água e deixe pasteurizando por mais ou menos duas horas. Esse processo vai impedir que haja no substrato qualquer fungo que vá competir com os cogumelos que estaremos cultivando;

sementes de cogumelo

  • Enquanto isso, esterilize o balde e os sacos plásticos, lá podem conter esporos de fungos que também competiriam o substrato com o nossos cogumelos. Evite também encostar nos utensílios com mãos sujas, deixe o ambiente livre de contaminação.
  • Quando o substrato já estiver pasteurizado, remova-o da panela com a escumadeira e coloque-o no escorredor para tirar o excesso de água. Depois, coloque-o em cima do saco plástico para esfriar, tape-o com outro saco para evitar contaminação.
  • Feito isso, coloque o substrato frio e as sementes de cogumelo no balde furado (a quantidade de sementes é de aproximadamente 2% do peso do substrato), faça várias camadas até encher o balde, tampe-o e deixe-o num lugar escuro, úmido e fresco.

sementes de cogumelo

  • Dependendo da tensão do cogumelo e das condições de crescimento, o substrato será completamente colonizado pelo micélio do cogumelo em 2-4 semanas.

|Leia mais: Micopigmentação – extraindo pigmentos de fungos|

plantar cogumelo casa

  • Quando o período de colonização estiver concluído, pequenos cogumelos começarão a crescer. Nesta fase, é importante manter a umidade e a temperatura consistentes. Evite correntes de ar e resfriamento ou aquecimento repentino da área de cultivo.
  • O ciclo de cultivo vai de 90 a 160 dias.

cultivar cogumelos em casa

  • Colha os cogumelos antes de as bordas dos chapéus estiverem se virando pra cima, como consta na foto abaixo. Não deixe passar muito desse ponto, o sabor pode ser afetado.
  • O cogumelo é um produto muito perecível. Não consuma cogumelos com aparência ruim, murchos ou fungados.

plantar cogumelo em balde

  • Após a primeira colheita, aguarde 2 a 3 semanas, e poderá haver outra colheita. Normalmente, cada colheita subsequente renderá cerca de metade do peso em comparação com a colheita anterior. Em perfeitas condições, podem ser realizadas 4 ou 5 colheitas antes do esgotamento do substrato.

  • A sua conservação deve ser feita em geladeira, dentro de sacos de papel e não de plástico, como é habitual. Este procedimento evita apodrecimentos. Os cogumelos também podem ser desidratados ou ainda congelados.

Aprecie seus cogumelos!

|Leia mais: 5 motivos para incluir os cogumelos no seu cardápio|

Dicas importantes:

  • Verifique qual variedade de cogumelo se adéqua melhor na região em que você mora, existem variedades sensíveis ao calor, ou frio, algumas que não aguentam tempos secos, etc;
  • Não congele as sementes, a maioria não suporta o frio intenso;
  • Esterilize todos os utensílios que serão utilizados, podemos não ver os esporos, mas eles estão flutuando ao nosso redor o tempo todo;

Para mais dicas sobre cultivo de cogumelos e complementação do nosso texto, dá uma olhada nesse artigo do nosso amigo Gardel e nesse site aqui também.

Se for fazer a experiência, compartilhe o resultado com a gente, iremos gostar de ver.

A vida é um acontecimento extraordinário para ser passado sem um propósito, aqui queremos inspirar a mudança, a conexão com os ciclos da natureza, o resgate dos saberes ancestrais e manuais. Vamos juntos por esse caminho descobrindo que tudo que precisamos já está em nós mesmos.

jardimdomundo.com

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *